Meus 5 destinos mais sonhados

Se eu fosse listar aqui todas as viagens que gostaria de fazer, acho que ficaria semanas só nisso… Escolhi então os 5 destinos que mais alimentam minha imaginação atualmente. Não quero chamar esta relação de “wish list”, prefiro “to do list”, pois todas já estão sendo programadas. Mesmo que eu não saiba ainda quando irão, de fato, acontecer…

1- Escócia e Nortúmbria
Esta já tem data e hora marcada, vai acontecer em julho de 2015. Estou na organização de um curso para que os praticantes de cadeias musculares GDS (método fisioterapêutico cuja formação eu coordeno, no Rio de Janeiro) possam conhecer nossa fonte, o Centro de Formação Philippe Campignion. Serão mais de 40 brasileiros invadindo o norte da França! Terminado o curso, parto com Alexandre e Dudu para esta viagem tão sonhada, que já está sendo planejada nos mínimos detalhes. Progressivamente, vou dando notícias do roteiro aqui no blog. Por ora, já adianto que teremos uma programação Harry Potter, com a visita ao Alnwick Castle, na Nortúmbria, e um passeio no trem a vapor The Jacobite, o autêntico Hogwarts Express. Fora os castelos, os lagos, as Highlands, Edimburgo… Mal posso esperar!!!

O trem a vapor The Jacobite passa pelo viaduto Glenfinnan, cenário dos filmes de Harry Potter Fonte: http://www.westcoastrailways.co.uk
O trem a vapor The Jacobite passa pelo viaduto Glenfinnan, cenário dos filmes de Harry Potter
Fonte: www.westcoastrailways.co.uk

2- Alemanha
Meu roteiro imaginário começa em Berlim, desce de carro pela Rota Romântica e chega em Munique. De lá, sigo para Salzburg e fecho a viagem com o maior festival de música clássica do mundo. Estive neste festival uma vez, sozinha, em 1997. Agora quero levar meus dois rapazes para viver comigo esta grande emoção. Por enquanto, vou aproveitando as dicas da minha amiga Viviane Ribas, que descreve seu passeio pela Alemanha no blog Vivi em Viagens, e da Francine Agnoletto, do blog Viagens que sonhamos

3- Egito

Pirâmides, o deserto, antigas civilizações, um cruzeiro pelo Rio Nilo… Chego a suspirar….

4- Praga

Do leste europeu, só conheço a Áustria. Gostaria de visitar a Polônia (de onde veio minha família paterna), a Hungria, a Croácia e a Eslovênia. Mas, em primeiro lugar, Praga. Cidade linda, bem conservada, onde se respira música. Espero que não demore a surgir a oportunidade!

5- Festivais de música clássica
Lucerna, Verbier, Tanglewood… Como mencionei acima, já estive no Festival de Salzburg. Para quem é amante da música como eu, é uma experiência incomparável. A cidade gira em torno do festival, há uma concentração de energia quase palpável. Eu assistia a dois concertos por dia, um de manhã e outro à noite. Os fantásticos festivais de Lucerna e Verbier me oferecem, ainda, a possibilidade de conhecer a Suíça. O de Tanglewood, onde meus queridos Yo Yo Ma, Lang Lang e Joshua Bell sempre marcam presença, pode ser facilmente combinado com um pulinho em Nova York. Difícil é escolher!

Salzburg, cidade dos sonhos de qualquer amante da música clássica
Salzburg, cidade dos sonhos de qualquer amante da música clássica
Gros Festspielhaus: principal teatro do Festival de Salzburg, onde vi Seiji Osawa reger a Filarmônica de Viena
Gros Festspielhaus: principal teatro do Festival de Salzburg, onde vi Seiji Osawa reger a Filarmônica de Viena

 

Esta semana fiz aniversário. No ano que vem, a esta altura, já terei cumprido a primeira missão desta lista. Espero que seja sempre assim, todo ano… 🙂

Anúncios

Trilha sonora de uma vida viajante

Domingo é dia de “Meus 5 favoritos”. A proposta de hoje é listar as 5 músicas que me fazem imediatamente lembrar de uma viagem. É uma escolha difícil, música é sempre tão marcante… Acabei chegando a um veredicto bem eclético!

1- The Final Countdown (Europe)
Aos 14 anos, passei um mês estudando inglês em uma escola no interior da Inglaterra (Culford School, Bury St. Edmonds). Havia adolescentes do mundo inteiro, foi uma experiência extraordinária. Toda sexta, tinha “Disco” na escola, à noite. Uma vez por semana, íamos fazer patinação em Bury St. Edmonds. O super mega hit da época era essa canção do Europe, que dividia o pódio com Livin’ on a prayer, do Bon Jovi. Até hoje, quando ouço estas músicas, lembro com detalhes dos dias passados por lá.

 

 

2- Concerto para 2 violinos (J.S. Bach)
Um dos momentos mais memoráveis da minha vida foi o Festival de Salzburg, onde fui, sozinha, aos 24 anos. Este concerto específico, de Bach, sempre foi meu favorito, desde a adolescência. Eis que me vejo, em êxtase, assistindo ao lendário maestro Cláudio Abbado e, quando ele retorna para o bis, toca exatamente esta peça! Senti como se ele a tivesse escolhido para mim… Inesquecível… Não existe uma versão regida por Abbado no Youtube, então escolhi esta, só do primeiro movimento,  pra vocês conhecerem (ou reconhecerem). Os solistas são Maxim Vengerov e Ilya Gringolts, com a Russian Philharmonic.

 

 

3- As 4 estações (A. Vivaldi)
Fomos a Londres com Dudu em 2010. Lá, ele foi ao seu primeiro concerto, na célebre igreja de St Martin-in-the-fields. Escolhi As Quatro Estações porque é uma peça leve, de fácil assimilação e muito familiar para ele. Meu filhote ficou tão encantado, na primeira fila, que os músicos vieram falar conosco no final do espetáculo: ficaram impressionados com o nível de atenção da criança. Desde então, para mim, Vivaldi é sinônimo de Dudu em Londres. O vídeo abaixo mostra o violinista favorito do Dudu, Joshua Bell, tocando o terceiro movimento do Verão em um ensaio com a Academy of St. Martin-in-the-fields. Mas naquele dia não foi ele quem se apresentou, embora Dudu já o tenha visto aqui no Rio, no Theatro Municipal.

 

 

As Quatro Estações, na Igreja de St Martin-in-the-Fields
As Quatro Estações, na Igreja de St Martin-in-the-Fields

 

4- Graceland (Paul Simon)
Turks and Caicos. Nossa piscina favorita no fantástico resort Beaches era a do Italian Village, e ela ficava ao lado do Mario’s, nosso restaurante preferido para o almoço. Sendo assim, quase todos os dias dávamos uma passada por ali. A seleção musical do bar da piscina era ótima. Curiosamente, Graceland era uma música que tocava sempre, invariavelmente. Acho que o barman curte Paul Simon tanto quanto eu…

 

 

5- Walk this way (Aerosmith)
É o tema da Rock’n Roller Coaster, a montanha russa do Aerosmith no Disney’s Hollywood Studios. Para mim, a melhor de todas. Se você espiar os “top 5” do Dudu no primeiro post da série 5 favoritos, verá que ela ocupa o primeiro lugar. A gente ouve no carro cantando alto, lembra da Disney, revive momentos felizes juntos.

Dudu curtindo Aerosmith na Rock'n roller Coaster
Dudu curtindo Aerosmith na Rock’n roller Coaster

 

Agora me conta! Quais as músicas que fazem a trilha sonora das suas viagens? Vou adorar ver suas escolhas nos comentários. Bom domingo!

Meus 5 blogs favoritos

Esta semana o blog Roteiro Renatours vai completar um mês. Um enorme OBRIGADA a todo mundo que dá atenção aos palpites desta fisioterapeuta-blogueira, estou em clima de comemoração!
Na coluna dos 5 favoritos de hoje, resolvi prestar uma singela homenagem a alguns blogueiros brasileiros que já fazem um trabalho super bacana há mais tempo do que eu. Há blogs para todos os estilos, com todos os perfis. A diversidade é que faz com que o universo da “blogosfera” seja tão rico e interessante. Existem centenas que eu ainda nem tive a oportunidade de conhecer, e alguns outros que eu sigo e poderiam perfeitamente estar nesta lista, mas a proposta é escolher apenas cinco. Então, lá vai: estes foram os que mais conquistaram minha admiração e, principalmente, meu coração! 🙂

1- Viajando com pimpolhos
Sut-Mie Guibert tem um blog super dinâmico e informativo, onde ela une as próprias experiências com as de outras famílias colaboradoras, o que amplia muito a diversidade dos destinos e estilos de viagens descritas. É também moderadora do grupo Viagens em família no Facebook, onde eu observo sua disponibilidade e generosidade para responder às perguntas de todo mundo.

2- Malas e Panelas
Andrea e Luciano gostam de viajar e de cozinhar, e têm um blog literalmente delicioso, onde os relatos de viagens se misturam às receitas, tudo com leveza e bom humor.

3- Tempo junto
Patrícia Marinho dá mil ideias simples e criativas para se aproveitar bem o tempo com os filhos, mesmo que seja pouco. Tem coisas pra fazer no restaurante, na praia e num dia chuvoso. Tem atividades para o carro e para o avião. Imprescindível!

 

Olha só o Dudu, visitando o blog Tempo Junto, com sua maleta de atividades para o avião! Está no post "O que você coloca na mala para distrair seu filho nas viagens".
Olha só o Dudu, visitando o blog Tempo Junto, com sua maleta de atividades para o avião! Está no post “O que você coloca na mala para distrair seu filho nas viagens“.

 

4- Coisas de Mãe
Patrícia Papp fez tanto sucesso que lançou um livro, que já é best seller. O blog dela é abrangente, interessante e informativo, sem perder o toque pessoal, que diferencia os blogs dos sites institucionais. Uma referência.

5- Para a Disney… e além!
Percebo muitas afinidades entre o blog de Carlos Monteiro e Isabel Trindade e o meu. É um blog bastante pessoal, que fala das aventuras do casal com sua filha única, que deve regular em idade com o Dudu. Eles também correm atrás das viagens musicais, só que a onda deles é Bon Jovi e a minha é Beethoven. Mas eu me sinto em casa no blog deles! E, justamente por isso, presto bastante atenção no que eles falam sobre os lugares que ainda pretendo visitar…

E você? Quais os seus blogs preferidos? Conta pra mim, aqui nos comentários!

Domingo que vem, tem mais 5 favoritos. E tem post também toda terça e sexta. Um abraço e até lá!

Direto do cinema para o aeroporto

Na coluna “Meus 5 favoritos” de hoje, o assunto é cinema. Quando parei pra pensar nos filmes que me deram uma irresistível vontade de viajar imediatamente, a lista cresceu rapidinho. Mas a proposta é escolher cinco, então fiz uma opção eclética e afetiva… Vamos lá:

 

1- Todos dizem eu te amo, de Woody Allen (EUA, 1997)

Não dá nem pra enumerar quantos filmes lindos foram rodados em Paris, mas Woody Allen, dançando com Goldie Hawn, às margens do Sena, dá vontade de sair correndo para o primeiro balcão da Air France!!!

2- Mediterrâneo, de Gabriele Salvatore (Itália, 1991)

Uma comédia deliciosa, em que um grupo de soldados italianos é deixado para trás numa pacata ilha grega, durante a Segunda Guerra. Os rapazes logo descobrem que não poderia ter lhes acontecido nada melhor! Paisagens mediterrâneas de tirar o fôlego e cinema da melhor qualidade.

3- Sob o sol da Toscana, de Audrey Wells (EUA e Itália, 2003)

Comédia romântica sessão da tarde, que te dá ímpetos incontroláveis de imitar a protagonista, partindo de mala e cuia para o interior da Itália.

4- Gabbeh, de Mohsen Makhmalbaf (Irã, França, Inglaterra e Alemanha, 1996)

Foi o primeiro de muitos filmes iranianos a que tive o prazer de assistir. Uma obra de arte cheia de sensibilidade, suavidade e beleza. A cultura persa desfiada nos detalhes de um tapete. Poucas vezes a fotografia e as paisagens em um filme me deixaram tão extasiada. Bateu um desejo de passear pelos desertos e oásis do Irã…

5- A noviça rebelde, de Robert Wise (EUA, 1965)

Por essa você não esperava, não é? Mas eu preciso confessar que, quando estive em Salzburg, em cada esquina me lembrava deste filme, um dos meus favoritos de toda a vida. A doida aqui chegou ao ponto de caminhar pela Mirabellplatz cantando Do Re Mi (na cabeça, em silêncio…), seguindo o trajeto (sem dançar…) e visualizando mentalmente a coreografia das crianças. Esse musical me lembra de como Salzburg é mágica e me faz querer voltar lá milhares de vezes.

 

As crianças von Trapp cantaram Do, Re, Mi na charmosa Mirabellplatz
As crianças von Trapp cantaram Do, Re, Mi na charmosa Mirabellplatz
Salzburg 2
Salzburg vista do convento em que viveu Maria von Trapp. Só no filme, pois na verdade a construção era uma fortaleza!

 

Esta é uma das minhas possíveis listas de 5 favoritos. E você? Que filmes te ejetam do sofá direto pro avião? Conta pra mim, aqui nos comentários! Já vou fazer a pipoca…

 

Meus 5 favoritos

A partir de hoje, todo domingo vai ser dia dos favoritos. Lugares, comidas, livros, obras de arte, lojas, qualquer coisa que esteja relacionada a viagens. E o melhor é que não serão apenas os meus preferidos, o blog vai receber convidados para contar pra você do que eles gostam.

Meu convidado, para a inauguração desta nova coluna, é o mais especial de todos: meu filho Dudu! Ele está com 8 anos e vai revelar a você quais os 5 lugares que ele mais amou, em todas as viagens que fez até hoje. Vamos conferir?

 

1- Rock’n roller coaster (Orlando)

Uma das principais atrações do Disney’s Hollywood Studios, foi a grande paixão do Dudu em nossa última visita à Disney. Ele estava com 7 anos.

 

Adrenalina ao som de Aerosmith
Adrenalina ao som de Aerosmith

 

2- Jedi Training Academy (Orlando)

Eu já perdi a conta de quantos diplomas de padawan ele já ganhou. Foram muitos duelos com Darth Vader e Darth Maul, aos 5 e aos 7 anos. O Disney’s Hollywood Studios é, de longe, o parque preferido do meu filhote.

 

Photo 0238
A força é poderosa em você, jovem padawan

 

3- Sherlock Holmes Museum (Londres)

Aos 4 anos, Dudu se encantou com a casa do famoso detetive, onde fomos recebidos pelo Dr. Watson “em pessoa”.

 

Elementar, meu caro Dudu!
Elementar, meu caro Dudu!

 

4- Pirate’s Island (Turks and Caicos)

Quando ele tinha 6 anos, fomos às ilhas caribenhas Turks and Caicos, com amigos queridos. O hotel Beaches é um paraíso que ainda merecerá um post exclusivo. Tem um parque aquático, o Pirate’s Island, que as crianças aproveitaram até mais do que a praia.

 

001_1
Tobogã na ilha dos piratas

 

5- Rain Forest Café (Fort Lauderdale)

O restaurante temático, que também existe na Disney, é realmente divertido para as crianças. Dudu nunca esquece do grito de espanto da nossa amiguinha Mariana, então com quatro anos: Gente!!!!!!! O elefante está se mexendo!!!!!!!!

 

DSC02183
Almoço selvagem!

 

Quais são os “top 5” do seu filho? Publique aqui, nos comentários! E aproveite as sugestões do Dudu nas próximas férias…

Boa semana!